sexta-feira, 21 de março de 2008

Não quero ir viver para Lisboa, acho que nunca vi tanta gente triste como vejo em Lisboa… Por favor. Não quero ir para Coimbra. Por favor. Quero ir viver para sítio nenhum, um sítio onde não importe não saber o que se quer ser a seguir.

1 comentário:

José de Bettencourt disse...

Doce Beatriz.
Entristece-me dize-lo, mas o lugar que procuras só existe dentro das palavras que dás.

Todos os sítios do Mundo , estão viciados , num jogo de gente triste,e de um "importar" com o "a seguir".

Serás feliz , na mesma.

Beijo minha querida,

- José.